Tom Catena continuou servindo no Sudão em meio à guerra

Um filme recém-lançado nos Estados Unidos chamado “The Heart Of Nuba” [O coração de Nuba], conta a história do médico cristão Tom Catena, que serve como missionário entre o povo que habita as Montanhas Nuba, sul do no Sudão, devastada pela guerra nos últimos anos.

Ele é o único cirurgião na região. O emocionante documentário mostra como Catena e um pequeno grupo de ajudantes conseguiu atender cerca de um milhão de pessoas. Ele administra o Hospital Mãe da Misericórdia, no meio de uma região remota.

A região, que é rica em petróleo, é vítima de bombardeios aéreos do próprio presidente do país, Omar al-Bashir. Considerado um criminoso de guerra por tribunais internacionais, ele é responsável por milhares de mortes, além da destruição de aldeias inteiras. O filme mostra que um dos objetivos do governo é extinguir o povo Nuba, que ele considera rebelde.

“Este solitário cirurgião norte-americano cuida com igual compaixão de pacientes que sofrem com desnutrição, lepra, doenças tropicais e ferimentos graves infligidos pelos bombardeios ordenados por seu próprio presidente, Omar al-Bashir. Quando um governo pode atacar homens, mulheres e crianças indefesos com bombardeios e isso não repercute na mídia, causando uma reação do mundo, algo está terrivelmente errado”, diz o narrador em um trecho do documentário.

“The Heart Of Nuba” já foi exibido em vários festivais, ganhando alguns prêmios. Ele está em exibição nos cinemas desde 20 de abril, em circuito restrito. Não há previsão de lançamento no Brasil. Com informações de Christian Post

Assista ao trailer:

Fonte: https://cinema.gospelprime.com.br