O missionário Rodrigo Pinheiro está há quase quatro anos no país e pastoreia a Igreja Batista Bethel.

O Evangelho de Cristo transforma vidas e por meio disso, um povo. Um exemplo disso é a ação do casal missionário Rodrigo e Viviane Pinheiro, que irão completar quatro anos em que estão na Guatemala liderando a Igreja Batista Bethel, em Gallito, um dos bairros mais violentos da região.

O país é profundamente carente sob os aspectos éticos, materiais, espirituais e humanos. Porém as oportunidades de levar o Evangelho de Cristo às pessoas estão aparecendo e evoluem a cada dia. Por meio da igreja, Rodrigo atende 700 crianças com o projeto PEPE (programa socioeducativo promovido pela Missões Mundiais). Além disso, mantém um projeto de alimentação para moradores de rua, alfabetização de adultos, curso de missões, reabilitação para dependentes químicos e uma escola com quase 200 alunos.

Aos pontos, os moradores de Gallito vão sendo transformados, como aconteceu com Mario Mendes, de 43 anos. Ele começou a receber tratamento sobre sua dependência alcoólica que existia há 20 anos e hoje é um diácono da igreja, trabalhando em tempo integral em um dos ministérios.

“Isso nos faz seguir adiante com a certeza de que estamos no caminho correto, pois temos visto o poder de Deus atuando na vida de várias pessoas, libertando-as para uma nova vida em Cristo Jesus”, conta o missionário Rodrigo Pinheiro.

Transformação

Mario chegou a igreja através do projeto de alimentação para moradores de rua e acabou se tornando membro da igreja. Quando chegou para comer, pediu para ser internado, pois sofria de alcoolismo. Sua família vive no mesmo bairro da igreja e, assim como muitos outros, ficava na rua por não ter mais condições de ser recebido em sua própria casa. O missionário diz que agora Mário é um outro homem e tem se desenvolvido bastante.

Outra ação importante é a da Associação Missionária Guatemalteca (AMIGUA) que distribui alimentos para cerca de 10 mil pessoas. A maioria são crianças de projetos educativos e escolas públicas, que se alimentam todos os dias. Os projetos são essenciais para o trabalho de evangelização realizado na região, pois aproximam as pessoas da igreja e dos ministérios. O missionário rodrigo finaliza com um pedido: “Continuem orando por nosso ministério e por cada vida que, diariamente, é alcançada por algum desses projetos”.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO MISSÕES MUNDIAIS