Com a cassação do senador Demóstenes Torres (sem partido-GO), por 56 a 19 votos, em sessão no dia de hoje, quem deve assumir a vaga no Senado é o empresário da construção civil Wilder Pedro de Morais (DEM), o primeiro-suplente.
Engenheiro de 44 anos, Morais ocupa pela primeira vez um cargo público: desde 2011, é secretário de Infraestrutura do Estado de Goiás, função para o qual foi convidado pessoalmente pelo governador Marconi Perillo (PSDB).
Morais é ex-marido da atual mulher do bicheiro Carlinhos Cachoeira, Andressa Mendonça.
Coincidência ou ironia do destino?
Não tem como negar que está tudo junto e misturado!
Fonte: Portal terra